Formado na Suíça no curso de Livreiro, assumiu a Livraria Cultura em 1969. Foi o responsável por ampliar o que antes era tido como um negócio familiar a uma escala comercialmente competitiva sem perder o caráter disseminador de cultura que sua mãe e fundadora do empreendimento, Eva Herz, sempre reivindicou. Inovou ao transformar a Cultura na primeira livraria no país a ter venda online. Atualmente é presidente do Conselho de Administração da empresa.